Dicas de Dedetização Para Acabar com Caramujos que Podem Provocar Prejuízos

Dicas de Dedetização Para Acabar com Caramujos que Podem Provocar Prejuízos

Dicas de Dedetização Para Acabar com Caramujos que Podem Provocar Prejuízos

Caramujos, lesmas e caracóis são moluscos presentes em praticamente todos os estados brasileiros. Sua proliferação acontece principalmente em regiões mais úmidas ou em épocas em que as temperaturas estejam mais amenas.

Sejam em áreas rurais, onde as lesmas podem afetar o plantio de diversas culturas como soja, feijão, amendoim e café, ou em ambientes urbanos, em que o grande vilão é o caramujo-africano (Achatina Fulica), que pode transmitir doenças. Estes animais podem se tornar pragas quando sua população aumenta desordenadamente.

Um dos motivos que causam o descontrole é a redução dos chamados “inimigos naturais”, animais que são predadores das lesmas.

ATAQUE DE LESMAS CAUSA PREJUÍZO Á AGRICULTORES

No ano passado, agricultores de Simonésia, na Zona da Mata, sofreram as consequências do ataque de lesmas. O técnico da Emater, Ricardo Vitarelli, em entrevista à repórter Fernanda Pônzio no programa InterTV Rural, disse que a praga é de difícil controle, principalmente se o ataque for de grandes dimensões.

“Para estes casos, é necessário o manejo integrado, quando várias técnicas são utilizadas a fim de reduzir ao máximo os prejuízos que esta praga pode causar”, esclarece.

Quando o ataque acontece em menores proporções, ou em ambientes com um tamanho reduzido é possível utilizar algumas técnicas para minimizar os efeitos do ataque das lesmas.

CARAMUJO AFRICANO É VETOR DE DOENÇAS

Se as lesmas causam dor de cabeça aos agricultores, nas cidades, quem tira o sono da população é outro molusco. O caramujo africano. Ele foi introduzido no Brasil para ser comercializado como escargot, mas pouco tempo depois se descobriu que a espécie não é comestível.

Além disso, o caramujo africano pode transmitir doenças como a meningite eosinofílica, angiostrongilíase abdominal e causar queimaduras na pele em caso de contato.

Como no Brasil não há um predador natural, a proliferação acontece de maneira bastante rápida. A cada dois meses, um caramujo põe 200 ovos. Em cinco meses, os filhotes ficam adultos e começam a se reproduzir. O caramujo-africano também é responsável pela destruição de jardins e hortas em ambientes urbanos.


Dedetização Porto Alegre


Construsul Dedetização Porto Alegre Zona Norte

Dicas de Dedetização Para Acabar com Caramujos que Podem Provocar Prejuízos

3094-2083 / 99802-4242

construsulportoalegre@hotmail.com

Dedetizadora Porto Alegre, Dedetização Porto Alegre, Desinsetizadora Porto Alegre, Desinsetização Porto Alegre, Desratizadora Porto Alegre, Desratização Porto Alegre, Descupinizadora Porto Alegre, Descupinização Porto Alegre, Dedetizadora Porto Alegre 24 Horas, Dedetizadora Porto Alegre Zona Norte, Dedetizadora Porto Alegre Zona Sul, Dedetizadora Porto Alegre Centro, Dedetização Porto Alegre 24 Horas, Dedetização Porto Alegre Zona Norte, Dedetização Porto Alegre Zona Sul, Dedetização Porto Alegre Centro, Aranha, Pheneutria nigriventer, Barata de Esgoto, Periplaneta americana, Barata Francesinha, Blatella germanica, Broca, Anobilidae  Lyctidae, Camundongo, Mus musculus, Caramujo, Achatina fulica, Carrapato, Rhipicephalus sanguineus, Caruncho, Tribolium castaneum, Cupim de Solo, Coptotermes gestroi, Cupim Madeira Seca, Cryptotermes brevis, Escorpiao, Tityus bahiensis, Formiga, Monomorium pharaonis, Lacraia, Scolopendra spp, Marimbondo, Euscorpius flaviaudus, Morcego, Artibeus lituratus, Mosca de banheiro, Clogmia albopunctata, Mosca, Musca domestica, Mosquito, Aedes aegypti, Percevejo, Cimex lectularius, Pombo, Columba livia, Pulga, Ctenocephalides canis, Ratazana, Rattus Norvegicus, Rato de Telhado, Rattus rattus, Traça, Tineola bisselliel


Peça Orçamento Online em Nosso Site da Construsul

dedetizacaoportoalegrezonanorte.com  – dedetizacaoportoalegrezonasul.com